MINHA PRIMAVERA PARA TI , PARA QUE POSSAS RENASCER EM MIM ...

MINHA PRIMAVERA PARA TI , PARA QUE POSSAS RENASCER EM MIM ...
Te estarei mimando e cuidando como cuido a minha vida que a cuido para ti ...

SENSUALIDADE

SENSUALIDADE
... lábios que beijam e calam ... lábios que calam para ceder a palavra ao coração ...

* BOCAS QUE CALAM *

Da boca brota a fala , brota o canto , o beijo ...
bocas que ardem de desejo ,
bocas que dizem o que não querem ...
bocas que se vestem de saudade ,
bocas que ardem de rancor .
Rompem amizades .
Bocas de minha vida ,
quantos beijos , quantas horas vividas ...
a boca é uma sublime caixa de som ,
onde a acústica de meu canto se encontra
com teu grito de ressentimento .
Num momento somos um ,
em outros somos a distância !
Bocas que lamentam e atormentam ...
bocas de minha vida , doce guarida
para minhas nostalgias !
bocas que calam ...
e se eternizam!

Sandra Waihrich Tatit

A PAZ DO AMOR

A PAZ DO AMOR
Tu és a saudade que só me faz bem ...

A NUDEZ DO SILÊNCIO

O silêncio fala e me embala ,
embarga a minha fala ,
aquece a minha prece ,
quando anoitece .
O silêncio é meu alento ,
meu arrependimento e meu lamento ,
o silêncio é tormento ...
silêncio é retórica suprema ,
definitiva e plena .
Corroi a minha pele ,
de tão quente que a encontra ,
meu silêncio em meu ventre ...
novo ser se faz presente !
sou silêncio , sou jornada , sou canção de minha estrada ,
sou agora tua prece ,
me entontece ...
e amanhece !


Sandra Waihrich Tatit

* ADORO VERMELHO *

* ADORO VERMELHO *
Vermelho paixão , vermelho sangue , vermelho emoção ...

ATITUDE SENSUAL

Atitude Sensual
A atitude sensual é aquela que nos torna verdadeiramente conscientes do sentir e nos convida a estar presentes com todo o nosso Ser quando tocamos, ouvimos, olhamos intencionalmente para alguém ou para alguma coisa, quando saboreamos alimentos e percebemos fragrâncias e odores no mundo que nos cerca.
Ouando estamos sensualmente atentos, nossa Essência Divina se gratifica intensamente e nos libertamos da ilusão da separatividade.
Não tenha medo de sentir prazer. O prazer é ainda maior quando o sentimos com a Alma.
Medite sobre o seguinte: as experiências com os sentidos (visão, audição, olfato, paladar e tato) são diretas, intransferíveis e essencialmente unificadoras.
Procure estar sempre atento ao que pode descobrir com os sentidos. Ouando os cinco sentidos se tornam plenos, há outros mais sutis a serem descoberto's e desenvolvidos.
Deleite-se nos sentidos maravilhosos que o Criador lhe concedeu. O maior pecado é embotar esses dons divinos.
Fonte: Química do Amor
http://www.essencialsites.com.br/A%20QUIM%20AMOR.htm

DIO COME TI AMO ...

DIO COME TI AMO ...

A MÚSICA QUE OUÇO AGORA ...

A musica que ouço agoraA musica que ouço agora traz sonoridade linda em minha alma...Transborda meu coração de gozo e contentamento...A musica que ouço agora me traz lembranças de uma vida mágica...Notas nostálgicas...Bálsamos musicais...Amor melodioso...Uma bossa nova de um beijo quente e hidratado...A musica que ouço agora me faz sorrir sozinha diante a tela do meu computador...Um sorriso belo cheio de lindas notas de amor...A musica que ouço agora me faz transladar a um mágico momento sereno, tranqüilo...Consigo neste momento sentir o melhor de mim...A musica que ouço agora é o silencio da minha alma...Ritmada com o compassado do meu coração...Que transborda uma grande emoção...A musica que ouço agora traz suas lembranças...Juntamente com a brisa que neste momento entra pela janela do meu quarto...Tocando o meu rosto suavemente como se fosse você...A musica que ouço agora é uma melodia que exala....O sussurro de minha voz...Cantando afinadamente...Como é bom sonhar, pensar e amar VOCÊ
Leila Chrystina Bayer

*NEW POSTS*

Novas Postagens

SIGN MY GUESTBOOK CLICK HERE

Uploaded with Avramovic Web Solutions ImageShack Hotspot
ASSINE MEU LIVRO

Meus Poemas Sensuais

Meus desabafos , sonhos , verdades e fantasias , escorrem das minhas mãos no teclado e dizem o que meu coração e meu corpo sentem no momento e querem calar ...

sábado, 26 de setembro de 2009

* AMO A CHUVA *

De momentos ...
minha vida é feita assim
fragmentada em pensamentos ...
te amar foi tudo ,
por algum tempo ,
hoje é quase nada .
Acabou a sinfonia ,
a sensualidade ...
Sigo minha estrada sozinha ,
a chuva faz um doce som
em minha janela ...
eu murmuro a ela ,
baixinho falo que a amo ,
pelo que sinto
agora dela ...
a inspiração sem musa ,
não é inspiração ,
é tristeza ...
sandra waihrich tatit
27.09.2009 / 3hs44min

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

* MÚSICA , SORRISO E FASCINAÇÃO *

Penso que a música é a melhor coisa desta vida ...
penso até que sou música !
meu nome é Música ...
estava no piano a tocar há pouco
e nesta hora esqueço tudo ...
é como num ato de fazer amor ,
a fantasia , o prazer , o orgarmo artístico ,
emocional ...
se as pessoas imaginassem este efeito maravilhoso
que a arte faz ,
todas acionariam este poder
que temos em potencial ,
a cultivariam mais ...
Todos os seres humanos têm a arte em latência ,
como em uma semente ,
basta que a deixemos
germinar ...
É uma libertação das preocupações do cotidiano
é luz , calor e energia ...
atração , fascinação , tesão , amor , tudo ...
paixão intensa , imensa ...
desafiando as minhas crenças ,
eu não poderia viver sem ela ...
É uma delícia deslizar nas teclas do piano
e sentir ... a sensibilidade jorrar e me falar ...
que minhas ansiedades são descabidas ,
de nada adianta lamentar por coisas
que de mim não dependam ,
melhor aceitar tudo como se apresenta ...
tocar o barco
e deixar a vida me levar ...
numa sinfonia de sensualidade e paz .
sandra waihrich tatit
18.09.2009 / 14hs40min

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

* MINHA GATINHA ANSIOSA *

Te quero tanto
nem sabes no entanto o quanto
sabes te dedico meu canto
enquanto para mim és um encanto .
sandra waihrich tatit
17.09.2009 / 17hs32min

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

* FELIZ ANIVERSÁRIO *

uma história ...
uma saudade
um querer
eternidade ...
sandra waihrich tatit
14.09.2009 / 17hs42min

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

* LIVRE PRESA *

Livre presa ,
pobre mulher ,
mulher do mundo ,
mulher da rua ,
mulher da vida ,
que dá à vida ...
a alma nua ,
no espelho a chave é sua ,
sua mirada é serena ,
amena ,
uma cena de amor após fazer amor ...
dor e desamor !
sandra waihrich tatit

* PAIXÃO DÓI *

Paixão dói ,
paixão machuca ,
balança
em um segundo nosso mundo ...
paixão é delícia ,
faz dormir ...
é fruta fresca ,
é morango maduro ,
é cereja , é desejo ...
faz gozar ,
as paixões movem o mundo ,
em meio segundo transformam nosso ser ,
na urgente iconoclastia de viver ...
sandra waihrich tatit
11.09.2009/ 18hs51min

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

* SOU APAIXONADA POR TUDO QUE FAÇO *

Sou apaixonada naturalmente ...
pela vida , pelas pessoas ,
sou impolgada ,
me emociono com coisas simples ,
fico triste quando vejo pessoas ,
cuja frieza tem o poder de derrubar meu entusiasmo ...
por isto a poesia é tão importante ,
no nosso cotidiano ,
estas mesmas pessoas ,
frias e desencantadas ,
podem ver a vida mais doce e mais sublime ...
nas sendas do sublime .
Para quem tem muito a dar ,
como penso ser meu caso ,
sentir este não ter de outrem ,
é decepcionante ...
sandra waihrich tatit
09.09.2009 /12hs02min

terça-feira, 8 de setembro de 2009

* TE OFEREÇO NESTA TARDE GRIS *


um pouco de mim para ti ...
nesta tarde de chuva
me dou inteira nestas rosas ...
te faço companhia
te passo energia e amor .

sábado, 5 de setembro de 2009

* DISTÂNCIA CRUEL *


Tarde de sol ...
uma tristeza me invade a alma
pareço calma
sinto uma saudade imensa
aqui dentro de mim
quero te ter amor
quero te ver ...
meu querer sozinho me consome
a distância é terrível
quero sorrir e não consigo
a embalar minha tristeza ...
então meu violão
prefere emudecer e vem pedir perdão
por não poder cantar
te amo ...
vens aplacar a minha sede de ti .

sandra waihrich tatit
05.09.09 / 16hs13min

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

* TUA DOÇURA *

Fujo sem querer ,
sem ver-te tenho quase tudo ,
elaboro a tua imagem na minha ,
colando-te ...
mesmo esfacelada ,
te reintegro ,
te refaço com meu abraço ,
amando-te mesmo na distância ...
parece tão cruel ,
nesta triste ausência da presença ,
na margem da saudade que me consome ,
próxima a ti ,
longe e perto ...
na inconstância do vento ...
meu lamento , meu tormento ,
vens amor ...
me queimas este desencanto ,
que é tanto o meu pranto ,
que me consome ...
me dás teu acalanto ,
teu canto em minha amargura que é pura ...
tua doçura ...
serenamente , delicadamente ,
languidamente como em uma travessura ,
hoje amor , melhor é não cantar ,
só há canto quando existe
muito tempo e muito espaço ,
para a canção ficar se eu passo ...
para dizer o que eu não disse .
sandra waihrich tatit
04.08.09 / 22hs11min

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

* UM NOVO AMOR *

Manhã gris ,
de um acinzentado belo ...
chuva dando o toque final
me apaixono pela chuva sempre
estes dias são tão especiais
prenúncios de primavera
tão bela a atmosfera chuvosa
tanto esplendor e carinho ...
é um doce encontro
a natureza regada e feliz
pela primavera esperada ...
recebo um bom dia tão sublime
de alguém que me encontrou
e tem me dado alegria
ao amanhecer ...
é de touro ... lindo e delicado
regido por venus da beleza
ele é belo e tem nobreza
me busca a cada manhã
será que vou amá-lo ?
me faria tão bem ...
deixarei nas mãos de Deus
este caminho nascente ...
amores renascem e se refazem
como por encanto
surge um novo amor em minha vida ...
estou feliz .
sandra waihrich tatit
03.09.09 / 11hs10min

terça-feira, 1 de setembro de 2009

* BOM DIA MEU AMOR *

Bom dia meu amor ...
é setembro ,
claro que lembro ...
é primavera e estou contigo
agora e sempre ,
isto é dádiva para mim .
As flores me falam de amor ,
me dizem que vão aparecer ,
mais e mais para nós ,
que a sinfonia de sensualidade existe ,
falam que não é uma criação ,
me afirmam que é realidade ...
que tu me amas de verdade ,
sonhas comigo e vês a chuva cair ...
de manhã , à tardinha ,
na madrugada ...
assim és tu , sempre sonhando
e vivendo teu sonho ...
assim é a vida ,
assim é bom ...
este é nosso som ,
assim nos amaremos para sempre ...
com calor , desejo e dor ,
também prazer ...
Pensando que isto nada pode destruir .
Este é meu primeiro poema
de primavera ...
é para ti !
sandra waihrich tatit
01.09.09 / 10hs10min

segunda-feira, 31 de agosto de 2009

* CHUVA DA PAIXÃO *

Quanta vida ...
quanta saudade
quanto desejo
quanto amor
é bom demais te ter comigo ...
bem assim
não me deixes jamais!
este beijo que me deste
com muita paixão ...
inundou meu coração
de desejo e espera ...
chove chuva fria cai
chove nesta tarde assim ...
chove esta saudade sobre mim .


sandra waihrich tatit
31.08.09 / 18hs37min

domingo, 30 de agosto de 2009

* UMA VOZ *

Uma voz ...
um lugar
um luar
te dei meu sorriso ...
um pouco de paz
e muito de mim
um conhecimento
trocas previstas
precauções revogadas
te dei meu carinho ...
informações esperadas
um atalho
um compromisso
te dei meu tempo ...
uma saudade
alguém partiu
o show já acabou
te dei a mim ...
vamos voltar à realidade
o sonho passou? ...
não precisamos mais
das máscaras
te dei minha verdade...
eu para ti
tu para mim
assim nesta luz
te dei minha saudade ...
eternidade!
sandra waihrich tatit
30.08.09 / 21hs27min

* TE QUERO *

Te quero vida minha ...
te quero noite e dia ,
eu só vivo para ti ,
te quero com doçura ...
com sonho e ternura ,
com a lágrima mais pura ,
desde que te conheci !
sandra waihrich tatit
30.08.09 / 11hs16min

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

* PERDER *

Estou chorando ...
triste ...
não entendo a razão ...
uma emoção de perder algo que nunca tive ...
de perder uma batalha não disputada ...
de sentir a lágrima cair ...
rolar assim em meu rosto ...
querer estar só ...
imaginar mares distantes ...
passados e muito azuis ...
gaivotas lindas adejam para mim ...
me falam que a vida é linda ...
navego sozinha !
te quero .

sandra waihrich tatit
28.08.09 / 22hs13min

* O SONHO ACABOU *


O mar ...
O céu ...
As ondas ...
Tudo acabou !
Hoje amanheci triste ,
Meu sonho acabou .

sandra waihrich tatit
28.08.09 / 21hs

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

* MEU PORTO SE ALUCINA *


Secretos sonhos de um amanhecer tristonho ,
minhas mãos te acariciaram em sonhos ...
amanheci contigo ,
meu corpo carecente ,
meus sentidos latentes ,
minhas mãos ...
ansiosas , cantam hinos ao amor ,
executam partituras de dor ,
odes silenciosas ...
antevejo agora a hora de chorar por ti ,
sentindo teus espaços a inundarem os meus ,
vais embora , me deixas à deriva ,
como um barco que se esquiva ,
divina prece que antecede a tua chegada ,
meu porto se alucina ,
se embriaga , e desanima ...
meu sonho acaba , desperto trêmula ,
quero voltar a adormecer ...
tua chegada se anuncia ,
as ondas retornam trajadas de vento quente ,
vento norte , minha sorte ...



sandra waihrich tatit
26.08.09 / 11hs26min

terça-feira, 25 de agosto de 2009

* AMAR-TE POR AMAR*

Amo teu sorriso ...
Adoro teu nome ,
tua alma me envolve ,
me devolve a alegria ...
teu corpo , teu mar , teu luar tão calmo ,
penetrando vagarosamente em mim ,
assim à tardinha ,
o sol se escondendo ,
minha oração ,
vai morrendo lentamente ,
vem a minha alma ,
acabando assim o dia , Ave Maria ...
deixas eu te amar ,
em meu segredo ,
bem fundo , distante do mundo ,
assim sozinha , sentindo teu carinho ,
a cuidar-me e embalar-me ,
no silêncio quente ...
me mimando sem querer ,
sem saber , alimentando meu ser ...
como é bom estar contigo ,
sentir tua doçura ,
tua ternura mais pura ...



sandra waihrich tatit
25.08.09 / 19hs42min

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

* ÊXTASE *

Êxtase ...
Quando alguem nos toca ,
demais e mais ainda ...
transpiramos de êxtase ,
diante da emoção sentida ,
derramamos nossas sensações ,
úmidas e insaciáveis ,
desmedidas ...
insensatas ,
transbordantes em nossos sentidos ,
colamos a pele em outra pele ,
beijamos com a força de um trovão ,
todos os labirintos ,
os lábios quentes e ardentes
suplicam mais e mais ,
sentindo o gosto do mar presente ,
salgado e nascente ...
o suor efervecente ,
o prazer sufocante ,
assim é o momento supremo que buscamos ,
assim é um querer passional que nos domina ,
nesta hora vale tudo ,
a lembrança , virtual ou real ,
a tua mão em minha mão ,
teu corpo em meu corpo ,
a mover a emoção ,
arfando de desejo ,
chegar lá no fundo ,
no âmago de teu ser ,
te dizer ,
vens amor ,
vens aplacar meu calor ,
ardente ...
vens evitar este iminente incêncio que se anuncia ,
jogas água fria ...
jogas beijos , jogas carinhos e desejos ,
me vejas ...
me sintas latejar ,
até o êxtase ...
sandra waihrich Tatit
24.08.09 / 15hs22min

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

* AMOR SAGRADO *

Este amor escondido ...
nas cavidades de minhas saudades ,
me invade e me sacia ,
melancolia , ousadia , pele fria ,
tantas razões me dizem ,
sentimentos me afligem ,
dos motivos escondidos ,
das razões de estar em mim ...
é encanto , é pranto e é quebranto ,
sacrossanto ...
é tanto que não o sustento em meu canto ...
desencanto!
sandra waihrich tatit
22.08.2009 / 0h45min

* INTEIRA ASSIM *

Tão lindo é imaginar ...
se sentir inteira em um lugar ,
uma pele acariciar ,
uma carícia embalar ,
um orgasmo sufocar ...
amparar , prender ,
acalentar ,
depois gozar ,
lentamente ...
docemente ,
vagarosamente ,
inteira assim ,
explodir ...
meu anseio em teu peito ,
deste jeito ,
dar meus lábios ao beijo ,
meus apelos ao desejo ...
assim , te vejo .
sandra waihrich tatit
21.08.2009 / 17hs22min

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

* BEM TE VI *

se te vendo
te desejo e não te tenho ...
em não te vendo te desejo
e posso ter-te ...
numa lágrima que rola
num rosto que chora
num abraço que demora ...
num corpo que implora
é hora vou embora
bem te vi bem me vês ...
nos misturamos cada vez
nos confundimos
eu sou tu
tu és eu
duas almas que no mundo
o destino escolheu
uniu e esqueceu ...

sandra waihrich tatit
21.08.09 1h12min

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

* PAIXÃO E SILÊNCIO *

Nos contornos de minha formas , percebo o doce equilíbrio ,
da harmonia das minhas sensações ,
nuas e vazias ,
no calor da minha pele ,
a queimar no som dos meus apelos ,
a mais penetrante melodia de meu ser ,
razão de meu viver ,
agora carente e ausente ,
tantas horas vividas ,
hoje estagnadas ...
subtraída a harmonia do movimento ,
tanto prazer e dor ,
tanto amor ...
a pele exalando a fragrância dos desejos ,
aroma afrodisíaco ,
desejos tão contidos ...
reprimidos ,
hoje quase esquecidos ,
não vividos intensamente ,
em todos os profundos momentos
que na taça da vida os bebia ...
no cálice do amor ,
horas marcantes ,
extenuantes ...
tantos carinhos e vivências ,
até hoje me acompanham ,
tantos anos conjugando a paixão ,
doce chão de meus silêncios .



sandra waihrich tatit
20.08.2009/0h15min

* EMOÇÃO *

Quando duas pessoas se amam
ninguém separa as cabeças ...
Sonhamos ao anoitecer
ao amanhecer
o sol nos acorda ao nascer
nos convocando a viver!
sandra waihrich tatit
19.08.09/21h50min

* SOLAMENTE *

Toda una vida ...
Te estaria mimando
Te estaria cuidando
Como cuido a mi vida
Que la cuido para ti
No me importaria
De decirte siempre ...
Pero siempre siempre
Que eres em mi vida
Ansiedad angustia
Desesperacion ...
sandra waihrich tatit
19.08.09/11hs20min

terça-feira, 18 de agosto de 2009

* MEU DESEJO *

quente e eloquente
a chuva fria
uma sinfonia de sensualidade
o rumor desta chuva
me encanta
me espanta
me amedronta
me beija
a face nua
é como rima
a regar meu desejo
que se insinua
pedras caem
trovões presentes
tão quentes
em minha mente
eternamente
sandra waihrich tatit
18.08.09/22hs13min

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

* GOZO DE CHUVA *

Após o gozo o descanso
canseira divina ...
prazer satisfeito
desejo exaurido
sonhos de quimeras
primavera ...
a natureza chora a chuva
chora a lágrima do desejo saciado
em seu orgasmo transmite um prazer maior
algo mais
prazer do todo universal
agora satisfeito
molhando a relva e as árvores
gotejadas de êxtase
tudo tão sereno agora
sem sol mas a chuva é bênção
nesta manhã gris de prelúdio de primavera
à espera ...
sandra waihrich tatit
17.08.09/10hs

domingo, 16 de agosto de 2009

* TE AMO *

te amo ...
no compasso binário
do infinito
no rítmo
de todos os tempos
há dez mil anos atrás
como disse Raul Seixas
ele nasceu em meu dia
nascemos há dez mil anos
ele e eu
quero amá-lo como amo a ti
para a eternidade
como algo mais e para sempre
em clave de distância
e de suprema saudade
como te quero
meu amor!
sandra waihrich tatit
16.08.2009/15hs6min

sábado, 15 de agosto de 2009

* MEU DOCE RECANTO *

Em meu recanto , meu canto ...
Meu ressalto depois da queda ,
Caí de tão alto ,
Tão inteira e longa a minha permanência ,
Em tua memória ...
na memória da pedra ...
fria ,
sombria e fugidia .
sandra waihrich tatit
16.08.2009/0h35min

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

* CUMPLICIDADE *



Esta noite vou brindar contigo ,
meia noite , chegarei cansada ,
tu estarás a esperar-me com a avidez de uma serpente ...
serenamente chegarei ,
com a calma de uma fenix ...
a contemplar as cinzas do seu majestoso renascimento ...
chegarei molhada ...
pelas minhas lágrimas de desejo
e inundada pelas carícias levadas a ti ...
certamente estarás a esperar-me ,
com a ansiedade dos que esperam
pelo ardente orgasmo das noites de lua cheia ...
assim , após transpormos a noite ,
afoitamente e apaixonadamente ...
atingiremos o esperado amanhecer do meio dia ,
nosso parceiro desta louca cavalgada noturna .
O sabor de nossos corpos misturando-se ao sabor das horas ,
então anoitecerá ...
e renovaremos esta paródia burlesca ,
tão nossa cúmplice ...




sandra waihrich tatit
14.08.2009/15hs

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

* NUNCA *

Não me deixes nunca ,
te peço ,
ainda que seja em pensamento ,
ouças meu lamento
em tua caminhada ...
em tua trajetória sem mim .
sandra waihrich tatit
13.08.2009/2hs

* QUERO UM BEIJO *

Quero um beijo ,
com sabor de infinito ,
com rumor de eternidade ,
com devoção de paixão ,
paixão de dor ,
de sabor de perder ,
sem nunca ter ...
quero te beijar meu amor ,
agora ...
ávida para transpor distâncias
com a dor do impossível ,
o sabor da fogosa
e passional saudade quente ,
que trago em minha mente .
sandra waihrich tatit
13.08.09 / 1h

*A NOITE NA ILHA*

A Noite na Ilha
Dormi contigo a noite inteira junto do mar, na ilha. Selvagem e doce eras entre o prazer e o sono, entre o fogo e a água. Talvez bem tarde nossos sonos se uniram na altura e no fundo,em cima como ramos que um mesmo vento move,embaixo como raízes vermelhas que se tocam. Talvez teu sono se separou do meu e pelo mar escuro me procurava como antes, quando nem existias,quando sem te enxergar naveguei a teu lado e teus olhos buscavam o que agora - pão, vinho, amor e cólera - te dou, cheias as mãos, porque tu és a taça que só esperava os dons da minha vida.Dormi junto contigo a noite inteira, enquanto a escura terra gira com vivos e com mortos, de repente desperto e no meio da sombra meu braço rodeava tua cintura. Nem a noite nem o sonho puderam separar-nos.Dormi contigo, amor, despertei, e tua boca saída de teu sono me deu o sabor da terra,de água-marinha, de algas, de tua íntima vida, e recebi teu beijo molhado pela aurora como se me chegasse do mar que nos rodeia.
Pablo Neruda

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

* A PORTA DE SAÍDA *

Assim ,
nua na noite ,
entrei em teu mundo ...
sem querer , sem saber ,
desavisada ...
fascinada ,
em busca de nada
ou te tudo .
Algo diferente do trivial ...
do óbvio entediante .
Perdida em minha estrada ,
sem rumo naquela hora ,
dirigida por ventanias de outrora ...
nada pensei , nada programei ,
olhei e entrei ,
em tua morada ,
vi teu olhar distante ...
me convidando a entrar em teu deserto ,
em teu oásis fascinante ,
simplesmente entrei e te encontrei .
Agora perdida ,
procuro a despedida ,
onde é mesmo ...
a porta de saída ? ...
Sandra Waihrich Tatit
Meus Poemas de Improviso

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

* SEMPRE AS ROSAS *

Quero ficar aqui assim , quieta , serena e cheia de emoção , parece até que estou adolescente de novo , cada vez mais vejo que a vida é desejo , é isto que sinto agora . Experiências acumuladas somam , trazem energias ao nosso coração . Sempre adorei rosas vermelhas , difícil uma mulher não gostar , me fascinei por esta imagem .

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

* SORRISO DE TERNURA *

Um sorriso de ternura , uma paz deveras pura ,
um olhar que irradia ,
bondade , luz e alegria ,
este olhar transmite tanto ,
este sorriso ,
é encanto e é ousadia ...
este olhar é um recanto
em meu pranto ...
e minha nostalgia ,
nesta suave e quente
noite fria .

Sandra Waihrich Tatit

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

* SABOR DE PAIXÃO *

Hoje tive um sonho de amor ,
estavas aqui e era tão bom ,
estávamos olhando a chuva ...
e valorizando a beleza da terra molhada ,
as plantas agradeciam pela água
e se preparavam ,
para lançar os brotos de uma nova planta .
Pensei , como é bom a gente sentir assim ,
de um jeito assim ,
de um querer assim ,
tudo fica tão lindo saboreado com paixão .
Sandra Waihrich Tatit

*DESPERTAR DA PAIXÃO*

Uma nova paixão ,
pura emoção ,
é loucura da razão ,
é a fuga dos pés no chão ,
é querer e não ter ,
é um latejar constante ,
um gozar sem medos ,
o risco desejado ,
interrompido apenas ,
pelos pássaros em uníssono ,
anunciando o fim do dia , agora !
minha alma até chora ,
meu corpo exaurido ,
conjuga verbos indefinidos ,
me diz que para fazer poemas é preciso amar ,
eu respondo não ,
para fazer poemas é preciso se apaixonar ...
seguir em frente e gostar ,
sem rumo , sem limite ,
os dias acabam e nada ficará ,
só se encontra a felicidade ,
quando se entrega o coração .
Te dei meu amor por um dia ,
hoje sei que não vou mais chorar ,
tudo passa , passará ...
ficará a eterna lembrança gravada
eternizada até o final dos tempos .
Teu lugar em meu coração ,
é emoção , é paixão e é dor .

Sandra Waihrich Tatit

*ALAMEDAS DOS DESEJOS*

A sensualidade da terra me seduz ,
me conduz às alamedas dos desejos ,
das esperas e das lembranças ,
amo a terra desde criança ,
as folhas , a seiva ,
o mato com o sol banhando seus galhos ,
amo a vida que da natureza brota ,
amo a latência da semente ,
amo o trigo que dá o pão ,
sou amante por natureza ,
meu ser busca para sempre a paixão ,
paixão de ser livre
e viver assim sem rédeas ,
ao relento de meus pensamentos ,
tão indomáveis ...
galopam assim para a eternidade .
Sandra Waihrich Tatit

*ESPERA*

Preciso estar contigo ,
quero estar contigo ,
necessito tua presença ...
na ausência e sempre ,
tua alma atrai minha alma ,
teu corpo grita ao meu corpo ,
o mar nos espera ,
sejamos primavera !
Sandra Waihrich Tatit

terça-feira, 4 de agosto de 2009

*SENDAS DO SUBLIME*

Por Sandra Waihrich Tatit

Certamente meu interior assim está pensando agora ,
nas sendas do sublime ...
pensamos que é somente minha esta emoção ,
esta paixão sublime nasce ,
enquanto outras pessoas a sentem tão distante ,
na verdade não é solidão nem carência ,
é evidência ...
poderá ser excesso de amor ,
saudade ou dor ,
no som quente de uma melodia ,
na tristeza imensa que me envolve ,
e o sorriso me devolve .
Amores que renascem ,
sublimes como se foram ,
retornam sua trajetória ,
ainda que perdidos de sua origem
esquecidos de sua glória .
Partem sem deixar nenhuma história .
Hoje estou assim ,
é uma sensação de estar sozinha
e tão acompanhada estou ,
na excitante jornada dos meus pensamentos ,
transbordantes de paixão ,
de emoção ...
uma paixão que nasce ,
colorindo minha face ...
elas sempre nascem assim para mim ,
arrebatadoras ...
meu fazer apaixonado já é uma constante em meu viver .
Em tudo que faço me dou inteira ,
sempre assim fui
sobrevivendo , sofri e renasci sempre ,
mesmo após o desencanto ,
como um gozar em pranto
penetrando em meu canto .
Construí meus castelos de carinhos
sobre as cinzas das desilusões ...
certeira e sorrateira a buscar meus caminhos ,
mesmo em meio aos espinhos ,
tornando a sublimidade uma constante ,
um prazer reinante e transbordante ...
como um delicioso licor em minha boca ,
degustado gota à gota ...
mesmo nas horas tristes e aparentemente vazias .
Seriam na verdade uma agonia ,
Se não buscasse minhas eternas fantasias
fugidias , em minha cavalgada ...
transformando-as em sendas do sublime ,
numa apaixonante noite fria .




Sandra Waihrich Tatit
Meus Poemas de Improviso

domingo, 2 de agosto de 2009

*TE AMO*

Saudade ,
tu tens coisas que eu não posso entender ...
saudade ,
minha vontade na vida é esquecer de ti .
Na vida tudo se acaba ,
o que é belo também chega ao fim ,
saudade que o trilho maltrata ,
partes para longe de mim .
Tu és tudo saudade ,
tudo que a gente quer ,
és vela branca perdida ,
nas ondas verdes do mar ,
tu és tudo na vida ,
que a gente sente mas não vê ,
velha saudade repondes ,
saudade , a vida és tu ?
Sandra Waihrich tatit

*CARÍCIAS*

No doce compasso do amor ,
refeita das carícias e do carinho ,
na madrugada me encontrei com o sol nascente ,
ele falou que esta noite de amor ,
era singular e eterna ...

Sandra Waihrich Tatit